quarta-feira, 28 de outubro de 2015

veste


Veste um sorriso,

como quem veste uma flor.
Acautela-te do frio
que a tristeza traz.
Lembra-te,
a vida pode ser uma peça de teatro,
tu até podes nem ser actriz,
mas mesmo como técnica de luzes,
serás sempre necessária;
por isso,
não te esqueças 
de te cobrir com um sorriso,
deixa o drama
com os do palco.

(Jaime A.)




6 comentários:

Vieira Calado disse...

"A nossa vida é o nosso palco".
Mas seremos sempre actores mediocres.
Só nos resta, vestir um sorriso...
Forte abraço!

Graça Pires disse...

A contracena que a vida nos impõem. O palco das nossas solidões.
Um beijo, Jaime.


P.S. vou passar a comentar-te aqui, já que o teu outro blog e o meu não se dão bem.

Graça Pires disse...

Quis dizer impõe...

Vieira Calado disse...

Olá, boa noite!
Venho desejar-lhe, e aos seus, uma Excelente Quadra Natalícia!

Um abraço!

Graça Pires disse...

É dentro de nós que o presépio acontece.
É em nosso olhar que a Luz dos sonhos se demora.
Com um cântico de Natal preso na voz desejo-te BOAS FESTAS.
Que o teu Natal seja cheio de conforto que o Novo Ano te traga tudo o que mais desejas.
Um beijo, Jaime.

lupuscanissignatus disse...

despir a máscara